Academia em casa: para se exercitar sem perder tempo

Academia em casaEm meio à rotina atribulada que por vezes (ou sempre) todos nós enfrentamos, falta tempo para quase tudo. E uma das atividades que geralmente é riscada da agenda é frequentar a academia. No entanto, para que a falta de tempo não prejudique a frequência de suas atividades físicas, o que é essencial para a manutenção da saúde e da boa forma, existe uma ótima opção para não perder o ritmo: ter uma academia em casa.

Montar uma estação de treinamentos em seu lar não é necessariamente caro nem complicado. Basta ter alguns equipamentos simples e indispensáveis para se exercitar nos dias em que fica difícil realizar um treino completo na academia, ou mesmo para se deslocar até ela, seja pela falta de tempo ou naqueles dias de frio mais intenso.

Para a instalação de sua academia em casa, escolha um espaço muito bem arejado, que facilite a circulação e com boa iluminação. Paredes com cores claras podem ajudar. Pisos de carpete não são recomendados, melhor optar por um tapete emborrachado em piso comum, pois é antiderrapante e de fácil limpeza.

É possível começar sua academia em casa com itens básicos e com custo acessível. Colchonete impermeável, halteres, faixas elásticas e tornozeleiras são extremamente úteis para tonificar os músculos e têm um preço relativamente baixo. Vale lembrar que, caso você não utilize halteres emborrachados, é importante utilizar luvas para proteger as mãos.

Já para quem precisa manter uma rotina de exercícios aeróbicos, mas não quer gastar muito dinheiro ou mesmo não tem espaço disponível para uma esteira ou bicicleta ergométrica, uma mini cama elástica e uma simples corda para pular são boas alternativas.

Mesmo que você só utilize o local e seus equipamentos por uma ou duas vezes por semana, tente limpar tudo diariamente. Use produtos bactericidas e que não tenham um cheiro muito forte. É importante que tudo fique limpo e livre de suor ou da gordura natural da pele para evitar a proliferação de germes.

Com a academia em casa acabam as desculpas para não treinar, mas nunca esqueça de seguir sempre as orientações de um treinador profissional e respeite as séries, frequência, duração e intensidades dos exercícios. Lembre-se também de se hidratar durante o treino e de manter uma alimentação balanceada.